De Baikonur para o Universo: Yuri Gagarin e o dia do cosmonauta

Em 12 de abril o mundo está comemorando o 60º aniversário do primeiro voo espacial tripulado de todos os tempos. Este importante evento pavimentou o caminho para os humanos começarem a explorar e conquistar o espaço. Desde então, nós, como humanidade, conseguimos garantir uma caminhada espacial humana, pousar os homens na lua e agora estamos explorando ativamente, embora ainda em missões não tripuladas, Marte e outros planetas. 

Yuri Gagarin

O homem a ter a honra de se tornar a primeira pessoa no espaço foi, naturalmente, Yuri Gagarin, o piloto soviético, que viajou pelo cosmos no veículo espacial Vostok-1. Essa foi a conquista maravilhosa do programa espacial da URSS, uma façanha garantida pelos esforços de milhares de cientistas, engenheiros e outros profissionais dedicados de todo o enorme país.

cosmodroo de Baikonur

O Cazaquistão foi parte deste grande empreendimento por ser a localização do cosmódromo de Baikonur. Aquele a partir do qual o Vostok-1 com Gagarin a bordo foi lançado há seis décadas.

O Cosmódromo foi construído em 1955 e desde então tem desempenhado um papel fundamental na exploração espacial. É a primeira base do mundo para lançamentos orbitais e humanos e a maior instalação operacional de lançamento espacial (em área). Além de ser a plataforma de lançamento do vôo de Yuri Gagarin, foi também o local de onde o primeiro satélite artificial, o Sputnik 1, foi lançado em 1957, assim como o vôo da primeira mulher no espaço, Valentina Tereshkova, em 1963.

Desde então, mais de 1.200 espaçonaves foram lançadas ao espaço a partir deste local. O Cazaquistão é a terra que vários cosmonautas veem quando olham pela vigia ao deixar o planeta Terra, bem como quando voltam do espaço para casa. 

O Cazaquistão pode se orgulhar do papel que desempenhou na exploração espacial. Além de hospedar o Cosmódromo de Baikonur, operado com sucesso pela Roscomos State Corporation sob o contrato de arrendamento com a Federação Russa de 1994, os pilotos do Cazaquistão tiveram o privilégio de explorar o cosmos. A primeira pessoa cazaque a ir para o espaço foi Toktar Aubakirov em 1991, seguido por Talgat Musabayev em 1994, 1998 e 2001 e Aidyn Aimbetov em 2015. O Azerbaijão tem parte importante no desenvolvimento cosmonáutico com Musa Manarov, cosmonauta que por algum tempo foi recordista em dias no espaço.

Aidyn Aimbetov , mais recente cosmonauta do Cazaquistão.

O envolvimento do Cazaquistão na esfera da pesquisa espacial vai muito além de suas fronteiras. O país promulgou acordos intergovernamentais de cooperação espacial com os governos da Rússia, Ucrânia, França, Israel, China, entre outros, e assinou acordos sobre a exploração e uso do espaço exterior para fins pacíficos com os alemães, britânicos, suecos, indianos, Agências espaciais japonesas, coreanas, emiradenses, sauditas e tailandesas. 

O primeiro voo espacial tripulado bem-sucedido e a exploração contínua do espaço são uma demonstração do que nós, como humanos, somos capazes quando trabalhamos juntos e colaboramos em grandes projetos. É uma ilustração de que através do trabalho em equipe e da cooperação podemos alcançar muito. Dada a história do Cazaquistão na exploração espacial, o país está bem posicionado para continuar a contribuir para este importante empreendimento humano.

U2mir musa manarov.jpg
Musa Manarov, cosmonauta azerbaijanes

Fonte: Astana times e News.az

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s