O Azerbaijão apela a Armênia para não agravar irracionalmente a situação na região.

De acordo com a declaração trilateral, assinada no dia 10 de novembro de 2020, com as melhoras nas condições climáticas nos assentamentos das regiões libertadas de Lachin e Kalbajar, regiões de fronteira com a Armênia, que possuem um difícil terreno montanhoso e condições climáticas, as forças azeri na fronteira estão implantadas em posição para nosso país, disse o Ministério das Relações Exteriores na quinta-feira.

O ministério apontou que esse processo é realizado de modo usual e de maneira sistemática.

“Medidas para fortalecer o sistema de proteção da fronteira, implementado segundo a integridade territorial do Azerbaijão, são realizadas com base nos mapas disponíveis para cada lado que definem a linha do limite das fronteiras entre Armênia e Azerbaijão. Desde que conquistou novamente a independência, não tiveram fronteiras estaduais entre os dois países por motivos óbvios, e por essa razão nós falamos sobre o complicado processo técnico, que é atualmente acompanhado por discordâncias entre os lados” disse.

“É surpreendente que o lado da Armênia reagiu inadequadamente a esse processo e fez afirmações provocativas. Nós acreditamos que as tentativas de círculos oficiais em usar esse problema para propósitos políticos se conectando com a situação de pré-eleição na Armênia é inaceitável.”

“Desde o dia 12 de maio, a liderança do Serviço de Fronteira Estadual da República do Azerbaijão foi enviada para área, negociações estão a caminho com a guarda da fronteira do lado oposto  e medidas apropriadas estão sendo tomadas para normalizar a situação” o ministério acrescentou.

Baku recomenda que os círculos policiais e militares da Armênia não sejam alarmados, aceitem a realidade do regime de fronteira interestadual juntamente as regiões do Azerbaijão de Zangilan, Gubadli, Lachin e Kalbajar, e não irracionalmente agravem a situação na região.

“Tais casos podem e devem ser resolvidos por meio de contatos mútuos entre os exércitos de ambos os lados.”

“Do seu lado, o Azerbaijão está comprometido em resolver as tensões na região e pede para que medidas apropriadas sejam tomadas para essa finalidade” observou o ministério.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s