A cantora Kaliya torna-se embaixadora honorária da UNFPA no Cazaquistão

Photo credit: UNFPA.org.

            NUR-SULTAN – A cantora e ativista Akmarzhan Kusherbayeva, conhecida por seu nome artístico Kaliya, foi nomeada Embaixadora Honorária da UNFPA no Fundo de População das Nações Unidas no Cazaquistão. A nomeação foi anunciada pela assessoria de imprensa da UNFPA Cazaquistão em 13 de maio.

            Kaliya é a primeira cidadã cazaque a receber o título da UNFPA. A parceria entre a UNFPA e a cantora começou em 2017 com a música “Kyz Tagdyry” (Seu Futuro), que se transformou no projeto Seu Futuro, que teve como objetivo destacar os problemas da violência de gênero e da gravidez precoce e não planejada enfrentada por jovens mulheres e meninas. Mais tarde, Kaliya tornou-se a oradora da UNFPA no Cazaquistão sobre a saúde sexual e reprodutiva de mulheres e jovens.

            “Por muito tempo, as pessoas têm sido relutantes em fazer perguntas sobre temas como puberdade, menstruação, contracepção, como prevenir gravidezes indesejadas ou infecções sexualmente transmissíveis. E isso mina as necessidades e direitos mais básicos das mulheres, meninas e jovens.

            Ter as informações certas no momento certo, saber com quem conversar para obter as informações certas e acessar cuidados de saúde sem julgamento, são cruciais para crescer confiante, saudável e protegido”, disse Kaliya no comunicado de imprensa da UNFPA Cazaquistão.

            A cantora tem sido consistente em sua dedicação à defesa dos direitos das mulheres e da juventude. Nos últimos anos, participou de diversos eventos nacionais, regionais e globais que visam promover o direito à informação e serviços de saúde reprodutiva, eliminando tabus e melhorando a saúde da mulher.

            Em 2019, a canção de Kaliya abriu a Cúpula de Nairóbi, no Cairo, dedicada a capacitar mulheres e meninas, na qual o Cazaquistão se comprometeu a avançar ainda mais na agenda da Conferência Internacional sobre População e Desenvolvimento (ICPD). No ano passado, Kaliya também se tornou membro da Comissão Nacional para mulheres, família e política demográfica sob a Akimat (administração municipal) de Almaty.

            “Envolver-se com formadores de opinião e pessoas influentes é essencial para transmitir e disseminar informações vitais para aqueles que mais precisam. Temos cooperado com Kaliya por mais de quatro anos e estamos muito satisfeitos que possamos reconhecê-la oficialmente como embaixadora honorária. Esperamos muito mais anos de trabalho frutífero no fornecimento de informações corretas e muito necessárias a todos”, comentou Julia Valese, representante da UNFPA no Cazaquistão e diretora de país do Quirguistão e do Turquemenistão.

            A UNFPA também destacou os progressos feitos no Cazaquistão no acesso a informações e serviços de saúde reprodutiva de qualidade para os jovens. Alguns dos marcos incluem o aumento dos esforços para melhorar a qualidade da assistência hospitalar obstétrica e do pré-natal, o desenvolvimento do projeto Shyn.kz sobre saúde sexual e reprodutiva para adolescentes, pais e trabalho consistente na rede de centros de saúde da juventude (YCH).

            No entanto, muitos desafios continuam sendo de alta prioridade, incluindo a gravidez na adolescência, o nível de conscientização sobre o HIV e a AIDS na sociedade e a prevalência da violência de gênero, que aumentou em todo o mundo durante a crise global do COVID-19.

astanatimes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s