O presidente do Azerbaijão diz que acordo de paz com a Armênia é “possível”

Em discurso no encontro do Centro Internacional Nizami Ganjavi com o tema “O Cáucaso do Sul: Desenvolvimento Regional e Perspectiva para Cooperação” na sexta-feira, o presidente Aliyev disse que é possível chegar a um acordo de paz em um tempo relativamente curto.

“O que falta agora é a vontade política da Armênia. Afirmei repetidamente que o Azerbaijão está pronto para trabalhar em um acordo de paz com a Armênia e, claro, se esse acordo for assinado, questões relacionadas à segurança, não uso da força e aceitação das realidades da situação atual serão parte integrante deste documento”, disse ele.

“O que deveria ser feito? Acho que precisamos esperar até que as eleições parlamentares sejam realizadas na Armênia. Entendemos que este é um período delicado na Armênia. Acho que se alguém na Armênia falar hoje sobre um possível acordo de paz com o Azerbaijão, isso não trará popularidade para essa pessoa. No entanto, os líderes do país ainda devem pensar em seu país, não em suas carreiras políticas. A este respeito, esperamos que, após as eleições parlamentares na Armênia, esta questão seja esclarecida”, acrescentou o presidente Aliyev.

O presidente Aliyev destacou que um acordo de paz, é claro, prevê o reconhecimento da integridade territorial de ambos os países, e o Azerbaijão está pronto para isso.

“Estamos prontos para reconhecer abertamente a integridade territorial da Armênia e, claro, a Armênia, por sua vez, deve reconhecer a integridade territorial do Azerbaijão dentro de suas fronteiras internacionais.”

O chefe de Estado reiterou que Nagorno-Karabakh faz parte do Azerbaijão e não há dúvidas sobre isso.

O presidente Aliyev exortou a Armênia a desistir de todos os esforços sobre a questão relacionada ao status de Nagorno-Karabakh, mais uma vez enfatizando que este não é um assunto para discussão.

“Pelo que sabemos, cerca de 30.000 pessoas vivem atualmente no território sob o controle das forças de manutenção da paz russas. As pessoas que vivem lá são nossos cidadãos. Nós os consideramos nossos cidadãos submetidos à lavagem cerebral pela propaganda armênia”, acrescentou.

O presidente Aliyev afirmou mais uma vez que o Azerbaijão está pronto para um acordo de paz e espera uma resposta positiva da Armênia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s