OPINIÃO: Monumento de “Artsakh” em São Paulo, Por Andreia Hiromi

No dia 29 de Maio de 2022, na Catedral Ortodoxa Armênia də Sao Jorge, em São Paulo, foi inaugurado um “Monumento em homenagem aos soldados de Art sakh” com visita do assessor do ” presidente de ArtSakh”.
Sim, parece piada mas não é!
Um ” presidente de república auto proclamada” e que foi votada por um povo que invadiu terras alheias depois de ter expulso quase 1 milhão de residentes Azerbaijanis na pós queda da união soviética em 1992.
Não sou eu que estou dizendo e sim a ONU com 4 resoluções que foram votadas por todos os países participantes no ano de 1993 e se deu após a invasão violenta da Armênia em terras vizinhas dos Azerbaijanis ( 822/93, 853/93, 874/93 e 884/93).
Durante a invasão de quase 30 anos em Karabakh ( que foi chamada ArtSakh pelos invasores) a armênia teve seus lucros sem leis e deveres na exploração das terras e povoando com todos os refugiados de outros países com a promessa de terras. Para a armênia sempre foi confortável a situação de poder fazer o que quisesse, sem punição, sem necessidade de cumprir qualquer lei internacional e por longos anos nunca quis negociar uma saída pacífica. Mas no ano de 2020 quando houve a ” reintegração de posse” do exército Azerbaijani ( com um fuzil em uma mão e o direito internacional na outra)
O que é o maior demonstrativo da falta de caráter e princípios dos armênios é que mesmo o direito internacional, documentos dizendo que aquela região é do Azerbaijao eles ainda insistem nesse surto psicótico que ali é um país e apelam com a morte dos refugiados e armênios pobres que não tiveram opção e morreram na guerra de 2020.
Lembrando que a Armênia além de nunca ter reconhecido ArtSakh como república eles também não retiraram os residentes da região durante a guerra e nem haviam um planejamento de locação dos moradores após assinarem o acordo de paz, devolvendo as terras ao devido dono, o Azerbaijao.

Agora a pergunta que faço tenho são:

  • O que o estado armênio está planejando com essa tentativa de “comoção pública”?
  • Se eles querem manter essa ideologia da existência dessa republica fake então vão invadir novamente?
  • Somos uma pátria que acolheu a nação armênia, temos centenas de milhares em São Paulo e também contamos com Azerbaijanis no Brasil, somos uma República Democrática e deveríamos ser um lugar de paz entre nações. Por que a Armênia não mantém a paz aqui no Brasil?

O Brasil é um país multicultural, mas se cada nação trouxer seu problema para o Brasil isso nunca terá fim ! É inaceitável !

Jornalista Andreia Hiromi

Nota do editor: A opinião da jornalista não reflete necessariamente o pensamento do Espaço Cáspio, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s